domingo, 23 de janeiro de 2022
84 98628 6001
Esportes

01/01/2022 às 10h14

71

Adrovando Claro

Natal / RN

Belay Bezabh e Sandrafelis Chebet são os bicampeões da São Silvestre
Brasil se destaca com cinco atletas no pódio: com Daniel Nascimento em 2o e Márcio Leão da Silva em 5º. Entre as mulheres, Jenifer do Nascimento em 3a, Valdilene dos Santos em 4a e Franciane Moura na quinta posição
Belay Bezabh e Sandrafelis Chebet são os bicampeões da São Silvestre
96ª Corrida de São Silvestre - Largada feminino - foto: Sérgio Shibuya

A 96a Corrida Internacional de São Silvestre conheceu nesta sexta-feira (31) os “novos” vencedores da prova de rua mais tradicional da América Latina e que encerra o calendário nacional esportivo. Belay Bezabh, da Etiópia, consagrou-se novamente campeão da prova, aos 26 anos, repetindo o feito de 2018. No feminino, a jovem de 23 anos, Sandrafelis Chebet, do Quênia, voltou a conquistar o topo do pódio, repetindo o feito de 2018. Dos atletas do Brasil, destaque para Daniel Nascimento, que após período de intenso treinamento no Quênia, conquistou o segundo lugar. Já entre as mulheres, liderança das africanas, mas as brasileiras se destacaram, com o 3o lugar de Jenifer do Nascimento, quarta posição para Valdilene dos Santos e Franciane dos Santos Moura completou o pódio, em quinto.


O masculino apresentou uma corrida equilibrada e disputada entre os homens, com um pelotão de sete atletas correndo junto até o km 12. Depois disso, o brasileiro Daniel Nascimento sentiu o ritmo, e o etíope Belay se manteve tranquilo e passou a administrar para chegar bem na Avenida Paulista e, assim, sem ser ameaçado, cruzou em primeiro. Daniel chegou em segundo, seu melhor resultado na prova. Em 2019, havia sido o 11o.


Belay comemorou novamente a vitória na São Silvestre e diz se sentir em casa. “Estou muito feliz com o resultado. Minha segunda vitória nessa prova. É muito bom correr aqui, pois me sinto em casa e já estou adaptado ao percurso e ao clima, apesar que neste ano senti um pouco o calor. Mas novamente posso comemorar outro resultado importante”, disse o campeão.


O segundo colocado, Daniel Nascimento, também ficou contente com o resultado, e comentou sua evolução no ano mais significativo de sua carreira. “Estou feliz com esse resultado que demonstra minha evolução. Sempre tive bom desempenho, mas achava que precisava evoluir, então fui ao Quênia buscar essa melhoria. E, concluir este ano de 2021 com esse segundo lugar, coroa o meu melhor ano em competições. Agora é comemorar e continuar trabalhando para o constante desenvolvimento e assim buscar a vitória”, contou Daniel Nascimento, de 23 anos.


Hector Garibay Flores foi o terceiro colocado e voltou a colocar a Bolívia no pódio da São Silvestre.


Sandrafelis Chebet brilha novamente. Brasileiras fazem bonito com três no pódio


A vencedora Sandrafelis Chebet fez uma prova bem tranquila, correndo sozinha na maior parte do percurso. Ela estava junto com a etíope Yenenesh Dinkesa até o Km 10, mas depois ditou um ritmo mais forte. Chegou tranquila na Avenida Paulista, e cruzou um minuto e vinte à frente de Yenenesh Tilahun Dinkesa.


A queniana Sandrafelis ficou muito agradecida com a chance de correr pela segunda vez no Brasil e considerou a corrida muito boa. “Estou feliz em estar aqui novamente, o clima ajudou e sempre gosto de competir a São Silvestre. Foi uma corrida muito boa.


A brasileira Jenifer do Nascimento e Silva, terceira colocada, comemorou bastante o resultado com as brasileiras no pódio e com seu resultado em particular, o terceiro lugar. Ela disputou grande parte da corrida praticamente ao lado da companheira de clube, Valdilene dos Santos Silva, que acabou cruzando a linha de chegada em quarto lugar, apenas um segundo atrás. “A São Silvestre é uma prova muito importante e especial. Eu fiz uma boa prova, mas senti um pouco a subida da Brigadeiro Luis Antonio. Mas estar aqui com esse terceiro lugar é a realização de um sonho”, afirmou.


Franciane dos Santos Moura foi a quinta colocada. Elas destacaram o trabalho em equipe e a importância de três brasileiras no pódio, algo a ser visito como incentivo a jovens atletas do país.


 


Resultados 2021 - Elite


Masculino


1) Belay Bezabh (ETH), 44min54seg


2) Daniel Nascimento (BRA), 45min09seg


3) Hector Flores (BOL), 45min15seg


4) Elisha Rotich (QUE), 46min26seg


5) José Mario Leão da Silva (BRA), 46min35seg


 


Feminino


1) Sandrafelis Tuei (QUE), 50min06seg


2) Yenenesh Dinkesa (ETH), 51min26seg


3) Jenifer do Nascimento (BRA), 53min32seg


4) Valdilene Silva (BRA), 53min33seg


5) Francian Moura (BRA), 54min10seg


A Corrida Internacional de São Silvestre é uma propriedade da Fundação Cásper Líbero, com organização técnica da Yescom. O patrocínio é de Cosan, 3 Corações, NewOn, Assaí Atacadista, Smart Fit e Molico, copatrocínio Bioleve, Adria e Voe Ita, e apoio de MontevéA rgine, Movimento Plástico Transforma, Dois Cunhados Hortifruti, Bendita Cânfora, Comgas e Transamérica Executive Paulista. O apoio especial do Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo.

FONTE: MBraga Comunicação

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2022 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium