Quarta, 01 de dezembro de 2021
84 98628 6001
Brasil

12/10/2021 às 17h17

42

Adrovando Claro

Natal / RN

Dia Mundial da Obesidade: três novas técnicas inéditas de cirurgia bariátrica serão debatidas por entidades neste fim de semana
52% dos brasileiros declararam ter engordado na pandemia. Aliado a isso, houve uma redução em mais de 69% na realização de cirurgias bariátricas e as filas para realização do procedimento aumentaram em todo o país
Dia Mundial da Obesidade: três novas técnicas inéditas de cirurgia bariátrica serão debatidas por entidades neste fim de semana

A possibilidade de ampliar o número de técnicas de cirurgia bariátrica realizadas no país será discutida, pela primeira vez, com a participação de entidades médicas e cirurgiões. Acontece neste sábado (09), em São Paulo, o Fórum de Cirurgias Emergentes, evento coordenado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica (SBCBM), e que irá debater três novas técnicas já regulamentadas em outros países, mas ainda não aprovadas no Brasil.


"A inclusão de novas técnicas vem ao encontro com o atual momento que estamos vivendo, tendo em vista que 52% dos brasileiros declararam ter engordado na pandemia e a obesidade e doenças associada a ela aumentaram. Aliado a isso, houve uma redução no número de cirurgias bariátricas em 2020, aumentando ainda mais o tempo de espera dos pacientes que buscam o SUS para o tratamento cirúrgico da obesidade", afirma o presidente da SBCBM, Fábio Viegas.


Números - Para que se tenha ideia o número de cirurgias bariátricas realizadas pelo SUS caiu em 69,9% em um ano, saindo de 12.568 em 2019, para 3.772 em 2020. Em 2021, até o mês de julho, foram realizadas 990 cirurgias pelo Sistema Único de Saúde. A realização de cirurgias pelos planos de saúde também caiu 11,9%, saindo de 52.599 procedimentos realizado em 2019, para 46.419 cirurgias em 2020.


Em contrapartida, a recente pesquisa Diet & Health Under Covid-19, que entrevistou 22 mil pessoas de 30 países, identificou que foram os brasileiros os que mais ganharam peso durante a pandemia de COVID-19. Aqui, cerca de 52% dos entrevistados declararam ter engordado. A média global é de apenas 31%. Ainda segundo a pesquisa, os brasileiros ganharam, em média, cerca de 6,5 quilos neste período.


Novas técnicas - Os procedimentos, que possuem estudos e resultados sobre eficácia, e serão debatidos no Fórum de Cirurgias Emergentes são a cirurgia Duodenal Switch de Anastomose Única - também conhecida como SADS (sigla em inglês: Single- Anastomosis Duodenal Switch); a cirurgia OAGB (sigla em inglês: One Anastomosis Gastric Bypass) e a Bipartição Trânsito Intestinal, também conhecida como Interposição Ileal.


Os resultados obtidos com cirurgia metabólica - técnica exclusiva para o tratamento de Diabetes Tipo 2, mas que já possui aprovação do CFM desde 2017 - também serão apresentados no Fórum.


Técnicas em desuso - Hoje no Brasil são realizadas com autorização do Conselho Federal de Medicina 5 técnicas cirúrgicas para o tratamento da obesidade: o by-pass gástrico, a gastrectomia vertical, duodenal switch, banda gástrica e a cirurgia de scopinaro.


Destas, duas já estão em desuso - a banda gástrica e a scopinaro - devido a evolução das demais técnicas e dos desfechos constatados.


O presidente da SBCBM, Fábio Viegas, explica que o debate sobre a inclusão de novas técnicas cirúrgicas é fundamental para atender a individualidade de cada paciente. "As técnicas mais realizadas no momento são sleeve e by-pass e, ao mesmo tempo, temos pacientes com diferentes perfis, diferentes tipos de comorbidades, idade e perfil metabólico diferentes também. Estes motivos nos levam a crer que os cirurgiões precisam ter outras técnicas aprovadas para aplicá-las de acordo com a individualidade de cada paciente", completa o presidente da SBCBM.


O objetivo do Fórum é levar ao Conselho Federal de Medicina (CFM) a possibilidade de revisar e ampliar o escopo de cirurgias bariátricas que são autorizadas no Brasil.


 


 

FONTE: Ceres Battistelli

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium